Amélia Rodrigues e outros municípios baianos registram chuva de granizo

Inmet apontou que o fenômeno foi ocasionado pelo ar polar que se espalhou pelo Centro-Sul do Brasil

[Amélia Rodrigues e outros municípios baianos registram chuva de granizo]

FOTO: Reprodução/Redes sociais

Moradores do distrito de São Bento do Inhatá, em Amélia Rodrigues, registraram uma chuva de granizo na noite de quinta-feira (19) no município localizado a cerca de 100km de Salvador. De acordo com o Instituto Nacional de Metereologia (Inmet), o fenômeno aconteceu em razão do ar polar vindo do Centro-Sul do Brasil. 

A chuva de granizo, que durou cerca de 10 minutos, segundo moradores, não é comum de acontecer nesta região da Bahia. Ninguém ficou ferido e nada foi danificado. 

A frente fria vivida pelo país na última semana fez com que outros municípios da Bahia também registrassem o fenômeno. Na última quarta-feira (18), os moradores de Prado, no extremo sul, também apontaram a existência de chuva de granizo. 

A Prefeitura do município informou que a chuva durou cerca de 30 minutos e nenhum prejuízo foi registrado, nem feridos. 

Já o município de Mucuri, também no sul do estado, registrou na última terça-feira (17) o fenômeno. Nesta, a chuva acompanhou um temporal que causou queda de árvores e falta de energia em algumas regiões da cidade.

Além do fenômeno não muito comum, a frente fria causou na Bahia também mais de 12 mil raios somente na quarta-feira (18), segundo dados do Climatempo e da Neoenergia Coelba.

A empresa, responsável pela distribuição de energia no estado, apontou que triplicou a quantidade do efetivo em operação nas regiões mais afetadas, como o Extremo Sul, Feira de Santana, Taperoá, Valença e outras cidades.


Comentários