Bolsonaro cria conta na Gettr, rede social criada por Donald Trump

Plataforma é suspeita de ter supostamente financiado manifestações contra a democracia

[Bolsonaro cria conta na Gettr, rede social criada por Donald Trump]

FOTO: Reprodução/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro criou uma conta na rede social Gettr, uma plataforma lançada pela equipe do ex-presidente americano Donald Trump. O chefe do Executivo afirmou que o aplicativo é "mais uma rede social alternativa para ampliação de diversas fontes de informações que lamentavelmente são omitidas de forma proposital".

No entanto, a plataforma é alvo de polêmica por supostamente financiar manifestações contra a democracia no Brasil. O ministro-corregedor do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luis Felipe Salomão, determinou que fosse interrompido a monetização do Gettr aos canais bolsonaristas que já foram alvo de inquérito. 

No Brasil, o ex-assessor de Trump, Jason Miller chegou a ser interrogado dentro do inquérito que investiga a organização. Ao programa War Room de Steve Bannon, ele afirmou que temeu ser enviado a uma "Guantánamo brasileira" e chegou a chamar os agentes da PF de "Gestapo", em referência a polícia secreta da Alemanha Nazista.

Sobre a plataforma Gettr

Donald Trump foi banido do Twitter, Facebook e YouTube por causa do episódio da invasão ao Capitólio em janeiro deste ano e, em busca de encontrar um local para dar suas opiniões, sua equipe lançou a rede social Gettr. 

De acordo com o aplicativo, o objetivo é "lutar contra a cultura do cancelamento" e "defender a liberdade de expressão". O nome da rede social é baseado na expressão "Getting Together" (ficando juntos, em tradução livre).


Comentários