Estudo indica que mais de 41% dos profissionais de saúde tem insônia durante a pandemia

Resultado possuí ligação direta com atendimento diário de pacientes da Covid-19

[Estudo indica que mais de 41% dos profissionais de saúde tem insônia durante a pandemia]

FOTO: Reprodução/Senado Federal

De acordo com uma pesquisa feita pela Associação Brasileira de Medicina do Sono (ABMS), 41,3% dos profissionais de saúde do país estão tendo insônia durante a pandemia do coronavírus. O resultado está diretamente ligado com o atendimento diário de pacientes com a doença. 

Além disso, de acordo com o levantamento, 13% dos profissionais da linha de frente utilizam algum medicamento para conseguir dormir e, mesmo trabalhando exaustivamente, 30% a 50% afirmaram que tiveram redução salarial durante a crise sanitária. 


Comentários

Relacionadas

Veja Também

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!