Google barrou 1,9 bilhão de instalações de aplicativos prejudiciais para Android em 2019

Empresa também afirmou ter impedido a chegada de 790 mil aplicativos à Play Store

[Google barrou 1,9 bilhão de instalações de aplicativos prejudiciais para Android em 2019]

FOTO: Reprodução

O Play Protect barrou 1,9 bilhão de instalações de aplicativos prejudiciais para Android, segundo um balanço feito pelo Google sobre a atuação do recurso. O número supera a marca anterior atingida em 2018, de 1,6 instalações bloqueadas.

O Play Protect é uma iniciativa do Google que envolve uma série de medidas, incluindo um antivírus embutido no Android capaz de barrar a instalação de apps e remover aplicativos já instalados anteriormente no smartphone. O serviço também influencia o processo de cadastro de conteúdo no Google Play, a loja oficial de aplicativos para Android.

A iniciativa do Google não precisa ser instalado. Ela é configurada automaticamente em todos os smartphones compatíveis. Segundo o Google, 100 bilhões de aplicativos foram analisados por dia em 2019, o dobro de volume de análises de 2018.

Na Play Store, as medidas de segurança do Google barraram o cadastro de 790 mil aplicativos "violadores de privacidade". Embora o número do Google não seja muito detalhado, a cifra informada é menor que a de 2018, quando o Google indicou ter barrado mais de 1 milhão de aplicativos.


Comentários

Relacionadas

Veja Também

[Exagerou no Carnaval? Saiba como voltar pro foco]

Para ajudar no detox Pós-Carnaval, Mundo Verde dá dicas de como preparar Smoothie verde e Quinoa crocante com grão de bico  

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!