Brasil terá seis representantes na Paralimpíada de Inverno de Pequim

"Veteranos" Aline Rocha e Cristian Ribera estão entre os convocados

[Brasil terá seis representantes na Paralimpíada de Inverno de Pequim]

FOTO: Marcio Rodrigues/MPIX/CPB/Direitos Reservados

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e a Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN), anunciaram nesta quinta-feira (13), durante uma live, os seis representantes do Brasil na Paralimpíada de Inverno de Pequim, entre os dias 4 e 13 de março. 

Cinco atletas competirão no esqui cross-country: Aline Rocha, Cristian Ribera, Guilherme Rocha, Robelson Moreira e Wesley dos Santos. Os dois primeiros estiveram em Pyeongcheng, onde Cristian atingiu o melhor resultado de um brasileiro em Jogos de Inverno (entre olímpicos e paralímpicos) ao terminar a prova de 15 quilômetros na sexta posição. Aline, por sua vez, foi a primeira mulher a representar o país no evento paralímpico.

Guilherme Rocha, Robelson Moreira e Wesley dos Santos disputarão a Paralimpíada pela primeira vez, assim como André Barbieri, representante verde e amarelo no snowboard.

É a terceira vez que o Brasil tem representantes em uma Paralimpíada de Inverno. A primeira foi em Sochi (Rússia), há oito anos, com André Cintra (esqui alpino) e Fernando Aranha (esqui cross-country). Em 2018, André esteve mais uma vez presente, acompanhado por Cristian e Aline. O país persegue a primeira medalha na história do evento, que teve a primeira edição realizada em Örnsköldsvik (Suécia), em 1976.


Comentários