Fuzil é apreendido com suspeito de atirar em soldado da Polícia Militar

O tenente-coronel contou que as guarnições foram recebidas a tiros por um grupo de dez homens, na Travessa Girassol

[Fuzil é apreendido com suspeito de atirar em soldado da Polícia Militar]

FOTO: Divulgação

Foram localizados nesta sexta-feira (13), três suspeitos envolvidos na morte do soldado Alexandre José Ferreira Menezes Silva, que era lotado na 3ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Cajazeiras). Um fuzil foi apreendido durante a ação realizada pela Polícia Militar. 

Equipes do Batalhão de Choque (BPChq), da Rondesp Central, do Batalhao de Operações Policiais Especiais (Bope), do Grupamento Aéreo (Graer) e da 3a CIPM/ Cajazeiras realizavam rondas na localidade de Vila Verde, no bairro de São Cristóvão, quando encontraram os criminosos. O comandante do BPChq, tenente-coronel Wildon Teixeira, contou que as guarnições foram recebidas a tiros por um grupo de dez homens, na Travessa Girassol. 

De acordo com o comandante da Choque "houve confronto, três acabaram feridos, mas não resistiram. Com os criminosos apreendemos um fuzil, uma pistola, uma espingarda, um quilo de cocaína, duas balaclavas e embalagens para armazenar drogas”. 

Os materiais apreendidos e a ocorrência foram registrados na Corregedoria da Polícia Militar.
 


Comentários

Relacionadas

Veja Também

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!