STF rejeita recurso da AGU para adiar depoimento de Bolsonaro nesta sexta (28)

Presidente é investigado por suspeita de vazamento de documentos sigilosos da PF

[STF rejeita recurso da AGU para adiar depoimento de Bolsonaro nesta sexta (28)]

FOTO: Agência Brasil

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, rejeitou o recurso da Advocacia-Geral da União (AGU) para adiar o depoimento do presidente Jair Bolsonaro (PL) à Polícia Federal (PF), marcado para esta sexta-feira (28). Com a decisão, permanece mantida a determinação para que o presidente compareça ao depoimento.

A AGU queria levar a discussão para o plenário do STF, sob o argumento de que o presidente não seria obrigado a comparecer. Bolsonaro é investigado no inquérito aberto para apurar a suspeita de vazamento de documentos sigilosos da PF a respeito de um ataque hacker ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Bolsonaro divulgou os documentos nas redes sociais. Essa divulgação, por sua vez, constitui crime, por isso o STF abriu inquérito para apurar a conduta do presidente. O depoimento de Bolsonaro é uma das últimas diligências pendentes para a PF concluir a investigação.
 


Comentários

Relacionadas

Veja Também

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!