Uso de cheques no país cai 93% desde 1995, diz Febraban

Foram compensados quase 220 milhões no ano passado

[Uso de cheques no país cai 93% desde 1995, diz Febraban]

FOTO: Murilo Rincon / TV TEM

De acordo com um levantamento da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), o uso de cheques como método de pagamento caiu 93,4% no Brasil, quando comparada ao número de compensações de 1995.

Ao todo, foram 218,9 milhões de cheques compensados em 2021. Em 1995, foram utilizados 3,3 bilhões. As estatísticas organizadas pela federação tem como base o Serviço de Compensação de Cheques.

O ano passado também foi o primeiro de operação plena do PIX, sistema de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central do Brasil. Através dele foram feitas 7 bilhões de transações com R$ 4 trilhões de volume financeiro, e a redução de uso de cheques foi de 23,7%.

Em 1995, foram movimentados R$ 2 trilhões por meio de cheques, enquanto no ano passado o valor passou para R$ 667 bilhões, uma queda de 67,4%.

No ano passado, segundo a Febraban, foram devolvidos mais de 18,6 milhões de cheques, uma fatia de 8,5% do total de cheques compensados. Em comparação com 2020, houve queda de 23,7%.

Já os cheques devolvidos sem fundos, foram 13,6 milhões no ano passado, recuo de 20,6% contra 2020, quando foram 15,2 milhões retornados.


Comentários

Relacionadas

Veja Também

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!