Vídeo: Em jogaço, Vitória bate o Bahia de virada e consegue vantagem para conquistar o título Baiano; confira os gols

Rubro-Negro foi melhor durante todo confronto e mesmo atrás do placar, consegue virada importante

[Vídeo: Em jogaço, Vitória bate o Bahia de virada e consegue vantagem para conquistar o título Baiano; confira os gols]

FOTO: Victor Ferreira / EC Vitória

Em um verdadeiro jogaço, o Vitória abriu vantagem para conquistar o Campeonato Baiano de 2024. Na tarde deste domingo (31), no clássico Ba-Vi, válido pela primeira partida da decisão, o Rubro-Negro bateu o Bahia de virada por 3 a 2, no Barradão e agora poderá empatar o segundo confronto no próximo domingo (7), na Fonte Nova, que será o campeão.

A primeira etapa trouxe o Vitória melhor do que o Bahia na maior parte do confronto. O Rubro-Negro foi quem mais buscou o campo de ataque, impôs forte marcação e impediu que o Tricolor pudesse criar boas oportunidades. O Esquadrão só tinha como alternativa as jogadas pelas laterais e mesmo assim, não era muito efetivo.

O placar quase foi inaugurado aos 14 minutos, após Luciano Juba tentar cruzamento para área e a bola ir direto para o gol, mas parar na boa defesa de Lucas Arcanjo jogando para escanteio.

A melhor chance ficou com um grande vacilo cometido por Marcos Felipe. Aos 18 minutos, após bola lançada no ataque, o goleiro do Bahia parecia ter controle de bola, mas tocou errado, nos pés de Alerrandro, que com gol aberto, mandou chute raspando a trave direita.

Já nos acréscimos, veio a melhor chance da partida. Aos 47, após cruzamento de Caio Alexandre para área, Lucas Arcanjo saiu mal, Jean Lucas desviou com o peito, a bola sobrou para Thaciano testar de cabeça e Wagner Leonardo salvar em cima da linha.

Na volta do intervalo, exatos 26 segundos foram necessários para o primeiro gol do jogo acontecer.

Luciano Juba aproveitou o espaço deixado pela defesa do Vitória e acionou Cauly no campo de ataque, que entrou na área e tocou na medida para Thaciano só empurrar para o gol. 1 a 0 para o Esquadrão.

O gol sofrido fez o Vitória impor uma pressão para tentar chegar ao empate logo em seguida.

Aos cinco minutos, Alerrandro soltou um chutaço da entrada da área e parou em boa defesa de Marcos Felipe.

Definitivamente o gol não definia o que era o confronto. O Vitória seguia melhor que o Bahia no jogo e poderia ter empatado e até virado o placar. Porém, ao contrário do Rubro-Negro, o Tricolor era melhor nas finalizações.

Aos 14, após cruzamento de Osvaldo para área, Jean Lucas tentou fazer o corte e a bola passou com muito perigo frente ao gol de Marcos Felipe.

Como teve chances de marcar e não o fez, o Vitória foi castigado pouco tempo depois. Aos 17, Luciano Juba viu Cauly livre dentro da área e levantou com a mão para o meia, que bateu de primeira, para o fundo do gol. 2 a 0.

O segundo gol definitivamente foi uma ducha de água fria para o Vitória no jogo, mas não o suficiente para fazer o time jogar a toalha.

Aos 21, Matheusinho chutou da entrada da área, a bola desviou em Cuesta e sobrou na medida para Matheus Gonçalves bater de chapa e diminuir no Barradão. 2 a 1.

O gol incendiou a torcida Rubro-Negra no Barradão, que inflou o time para tentar empatar o jogo. O time ensaiou uma pressão e jogou o Bahia para o campo de defesa em muitos momentos, tornando o confronto mais emocionante.

O Tricolor teve uma chance de ouro de matar o jogo aos 39 minutos. Após erro de passe de Rodrigo Andrade, Cauly recuperou a posse e tocou para Ademir, que cruzou para área e Wagner Leonardo tentou cortar, nas quase mandou para o gol. Lucas Arcanjo salvou a pátria.

Não ter liquidado o confronto trouxe um grande problema para o Bahia. Aos 44 minutos, Iury Castilho recebeu grande lançamento em profundidade, entrou na área, cortou a defesa e bateu para o gol  e Marcos Felipe espalmou, mas a bola sobrou nos pés de Matheus Gonçalves, que encheu o pé para marcar o segundo dele no jogo e empatar o Ba-Vi.

O melhor do jogo ainda estava reservado para os acréscimos. Aos 54, Zeca foi lançado na lateral e cruzou na área para Iury Castilho, que bateu de primeira e estufou as redes de Marcos Felipe. Uma virada impressionante do Leão para manter o tabu de 23 jogos sem ser derrotado no Barradão.

Confira os gols do jogo no vídeo abaixo:

 


Comentários

Relacionadas

Veja Também

[Com mais de 500 anos de tradição, saiba por que o Brasil possui uma história única no cultivo de vinhos! ]

Sommelière explica a importância da história dos vinhos de mesa para a cultura nacional, e indica rótulos para celebrar os vinhos brasileiros

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!